PARA MELHOR SEGURANÇA, ESTAMOS MODERANDO TODOS OS QUE VISITAM NOSSO FORO ...MUITO EM BREVE , SOMENTE OS USUÁRIOS CADASTRADOS PODERAO VE-LO.
É IMPORTANTE QUE VOCE FAÇA SEU REGISTRO COM SEUS DADOS PESSOAIS TAIS COMO IDADE,CIDADE,SEXO,ETC.
FAÇA LOGIN E SEJA BEM VINDO.
OBRIGADO


 

 
InícioInício  PortalPortal  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

 Adaptando Lipo no TX

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
bigespectro
Admin
Admin
avatar

Pontos : 1431
Data de inscrição : 24/02/2011
Idade : 64
Localização : sorocaba

MensagemAssunto: Adaptando Lipo no TX   2nd Fevereiro 2012, 16:12

Como instalar baterias de LiPo no rádio


A idéia é simples mas antes é preciso considerar alguns pontos como:

1 -As baterias de LiPo só devem ser usadas em rádios ( transmissores ) que tenha alarme de bateria;

2 - Os packs devem ser de no mínimo de 1400mA para proporcionar uma boa autonomia ( tempo de uso sem necessidade de carregar) ao rádio;

3 - A instalação só é econômicamente viável se você já possui um carregador para baterias de LiPo

4 - Deve-se observar se o tamanho do pack escolhido cabe perfeitamente no espaço reservado à bateria do rádio.

Item 1 - Porque usar baterias de LiPo só em rádios com alarme de bateria?

A resposta é simples, quem conheçe alguma coisa sobre as baterias de Litio sabe que a voltagem da célula não deve baixar além dos 3,0 volts no caso de um pack com mais de 2 células. Na realidade esse limite, segundo os fabricantes, é 2,5 volts, mas como num pack temos 2 ou mais células, pode acontecer que uma se descarregar mais do que a outra e, se considerarmos apenas a voltagem do pack todo, estaremos danificando a célula que descarregou demais e consequentemente o pack todo. Por isso estabeleceu-se o valor de 3,0v/ célula a fim de dar uma margem de segurança para a bateria.
Voltando ao rádio, independente da marca todos aqueles que tem alarme de bateria, disparam um sinal sonoro quando a voltagem desta chega aos 8,5 volts. Se estivermos usando uma bateria de LiPo de 3S ( 11,1 volts ), quando a voltagem nos terminais da mesma estiver em 8,5 v ( rádio alarmado ).

TEÓRICACAMENTE a bateria estaria dentro do limite de segurança porque 8,5 v / 3 células = 2,8 v. Isto é, poderíamos SUPOR que cada célula do nosso pack estaria com 2,8volts, portanto 0,3 ACIMA do limite mínimo aceitável que é de 2,5 volts. Isso TEÓRICAMENTE porque na prática poderemos ter situações bem diferentes onde o somatório da voltagem resulte em 8,5 volts. Só para dar um exemplo podemos ter 2 células com 3,1 volts e uma com 2,4 volts, o que estaria condenando esta última célula ao lixo! Várias outras combinações podem existir no conjunto ( pack) que mesmo totalizando 8,5 v não nos garantem com segurança que o limite de alguma célula não foi ultrapassado.
Então, quando se estabelece o limite de 3,0 /célula temos a garantia que TODAS as células estarão trabalhando dentro de um limite bem seguro porque estaremos garantindo que todas as células permanecerão trabalhando bem acima do limite mínimo. Num pack de 3S qualquer uma célula que tiver a sua voltagem menor do que 3,0v vai acionar o alarme do rádio, ou no caso de estar sendo usado com um SPEED CONTROL, o motor será cortado.
Entendido esse ponto, vejamos agora como é que vamos fazer para que quando o larme do rádio seja acionado a voltagem da bateria de LiPo esteja num valor seguro.
Para conseguir isso vamos ter que "enganar" o alarme! Ou seja, temos que fazer ele "sentir" que a voltagem da bateria está em 8,5v quando na realidade ela estará acima deste valor. Para isso vamos utilizar um componente eletrônico chamado DIODO. É uma peçinha muito simples, comum e de vasta utilização dentro da eletrônica. Uma das tantas caracteristicas que ela possui é que quando uma corrente elétrica passa através dela, "perde" 0,7 volts. Assim se você ligar um diodo num dos fios de uma bateria de 11,1v como é o caso da LiPo em questão ( veja o desenho acima ), e medir a voltagem no terminal que será ligado ao rádio, a voltagem será de: 11,1v - 0,7v = 10,4 volts. Isso porque a voltagem indicada no rádio ( 10,4v ) MAIS a voltagem que o DIODO "come" ( 0,7v ) é igual a voltagem da bateria ( 11,1 v ).






Beleza o rádio vai funcionar normalmente.

Agora imagine que a bateria vai "gastando" até o alarme do rádio ser acionado. Neste momento o rádio estará recebendo 8,5v ( o alarme está acionado ) mas a voltagem na bateria estará em... 8,5v + 0,7v ( do diodo ) = 9,2 VOLTS . Portanto perfeitamente dentro do limite de segurança!
Não se preocupe com os valores absolutos das voltagens. Na prática eles só são importantes para o circuitos funcionarem bem, o que importa é que você verá que um rádio do tipo 8UAP da Futaba ( no meu caso ) alimentado com uma bateria de LiPo de 1400mA funciona durante 7horas sem precisar recarregar!
Bem agora a notícia ruim. Se o seu rádio não tiver um alarme automático (sonoro ), eu não aconselho você a usar baterias de LiPo. Primeiro porque neste tipo de rádio vai ficar complicado você verificar o limite da voltagem, mesmo tempo um medidor com uma escala em vermelho inicando que a bateria está no limite, ou mesmo um conjunto de Leds, ambos sistemas não tem a precisão necessária para evitar que você ultrapasse o limite mínimo da bateria e detone o pack.

Item 2 - Porque usar baterias acima de 1400mA?

A razão é simples. Considerando o preço das baterias de LiPo, se for para usar uma bateria de 700mA por exemplo, então é melhor ficar com o pack original ou colocar outro de 1000 ou mais mA de NiMh ou NiCd. Não devemos esquecer que a grande vantagem da bateria de LiPo é a maior autonomia do rádio e nada mais.

Item 3 - Viabilidade da troca da bateria original por uma de LiPo.

Este é outro fator importante a considerar. Se você já utiliza baterias de LiPo em modelos elétricos por exemplo, e já tem o carregador apropriado, basta comprar a bateria e instalar no rádio. Por outro lado se você não tem, a troca das baterias pode ficar dispendiosa considerando a necessidade de comprar também um carregador específico para LiPo.

Item 4- Tamanho do pack.

Atente bem para este detalhe porque as baterias de LiPo que são pequenas no tamanho geralmente também o são na capacidade, quer dizer talvez a bateria que você pretenda colocar no rádio tenha a capacidade adequada mas o tamanho NÃO! Preste bem atençao nisso principalmente se você vai comprar as baterias pela Internet. As vezes uma diferença de apenas 2mm numa das dimensões do pack é suficiente para que o mesmo "não entre" no rádio...

O diodo

Componente eletrônico encontrado em qualquer loja de material eletrônico. Pode ser usado literalmente qualquer diodo de silício do tipo 1N4004.

Penas deve-se prestar atenção no anel prateado em um dos lados do componente que identifica o terminal NEGATIVO. Ele deve ser ligado exatamente como mostra o diagrama no início do texto. Se for ligado invertido simplesmente a bateria não irá alimentar o rádio.

Obs: Veja também que a bateria ficará com 2 conectores: Um para ligar no rádio ( com o diodo ) e outro para ligar no carregador ( sem o diodo ). Observe o desenho acima.


DIODOS




Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Adaptando Lipo no TX
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: ELETRONICA EM GERAL :: BATERIAS-
Ir para: